Como abrir um E-commerce?

Para ter sucesso comércio eletrônico, é de extrema importância a elaboração de um Planejamento de E-commerce, porém na maioria das vezes, esse item é ignorado.

A maioria dos empreendedores acredita que, para ter uma loja virtual e inserir sua marca no mercado eletrônico, basta cadastrar seus produtos e pronto.

Antes de qualquer coisa, é preciso levar em consideração diversos fatores, como por exemplo, determinar a plataforma a ser utilizado, treinamento de pessoas, marketing digital, logística, meios de pagamentos, atendimento, etc.

Dedique-se com a mesma intensidade de um negócio físico e verá que terá resultados surpreendentes.

 

O empreendedor deve imaginar seu negócio virtual como se fosse físico, ou seja, ele exige os mesmos esforços que uma loja física. É necessário um planejamento detalhado e cumprir todas as etapas de processos, pois, caso contrário, é um prato cheio para o fracasso do negócio.

 

O que é um planejamento de e-commerce?

É simplesmente todo o estudo e planejamento das etapas necessárias para a criação, implantação da loja virtual.

Neste planejamento de e-commerce, serão analisados diversos fatores, tais como:

  • Cenário Econômico;
  • Plataforma que será utilizada para estruturar o negócio;
  • Marketing digital;
  • Logística;
  • Política de garantia;
  • Treinamento e capacitação de pessoal para operação da plataforma.

Este planejamento de e-commerce não dispensa a criação do plano de negócios. Os dois irão caminhar juntos e definirão todas as ações para a implantação do novo negócio.

 

Cenário Econômico

Antes de colocar a mão na massa, é necessário analisar o cenário econômico atual e verificar se seu negócio será viável ou não no e-commerce.

É preciso fazer algo diferenciado dos demais e que não fique dependendo de clichês, ou seja, frete grátis, cupons de desconto, etc.

Afinal, não queremos ser mais um em meio a tantas empresas online que acabam fechando muito antes de dois anos, ou, mal conseguem cobrir seus custos e acabam tocando com muita dificuldade.

 

Qual plataforma escolher?

A mais importante etapa na construção do e-commerce é a escolha adequada da plataforma a ser utilizada. A plataforma é a base de uma loja virtual, e irá fazer o controle e gerenciamento de todas as funções do e-commerce, tais como pedidos, estoque, clientes, controle dos meios de pagamentos, logística e as ferramentas de marketing digital.

Atualmente no mercado, existem diversas opções de plataformas de e-commerce com valores bem distintos. Basicamente são 3 opções: alugar uma plataforma, desenvolver uma plataforma a partir de sistemas opensource ou comprar uma plataforma projetada especialmente para você. Tudo irá depender das necessidades do seu negócio e orçamento disponível. Para quem já possui um negócio físico e está entrando para o virtual, existem algumas plataformas (alugadas) com preços bem acessíveis e funcionalidades bem interessantes.

Marketing Digital do E-commerce

O grande diferencial do e-commerce de sucesso é o seu marketing digital. Esse fator não pode ser deixado de lado, ou, seu negócio está fadado ao fracasso. Este item é primordial levar em consideração na hora de escolher a plataforma, pois pode correr o risco da mesma não satisfazer o trabalho de marketing digital a ser executado.

A plataforma deverá ter um mínimo de suporte para as ferramentas de marketing digital, tais como SEO, E-mail Marketing, Re-marketing, redes sociais, etc. É muito importante escolher a plataforma correta, caso contrário, corre o risco de fazer uma contratação que não atenderá as necessidades.

Para o sucesso de seu negócio, conte sempre com profissionais qualificados e que estejam empenhados com os objetivos a serem alcançados.

 

Ao contratar uma agência de marketing digital, ela dará todo o suporte necessário para você montar seu e-commerce, desde a escolha da plataforma até o planejamento e implementação das campanhas.

Logística

Gerenciar a logística e saber trabalhar com os custos do transportes é um fator primordial no comércio eletrônico. Nosso país carece de serviços de entregas que tenham um bom custo aliado à eficiência na entrega, portanto antes mesmo de contar com os Correios, vale a pena consultar outros serviços de logística.

O brasileiro é um povo muito ansioso, e, quando se trata de e-commerce, isso só piora. Se o produto não chegar no prazo indicado, este cliente certamente não será fidelizado.

Treinamento para operação do e-commerce

O gerenciamento do e-commerce deve ser realizado por um profissional qualificado e com conhecimento na área. As ações de marketing digital não estão restritas às agências e devem ser executadas dentro da própria empresa, através de seus colaboradores. Portanto, é de extrema importância o treinamento para operar um e-commerce.

Gabriel Nunes
gabriel@portinari.ppg.br

Publicitário com especialização em Marketing Digital e Negócios Interativos.